Não são os opostos que se atraem. São as diferenças que se completam.

Não são os opostos que se atraem. São as diferenças que se completam.

(Source: promisesly, via parimundi)